Um desafio difícil na reabilitação de atletas após várias intervenções ortopédicas, como a reconstrução do Ligamento Cruzado Anterior (LCA), artroplastia total de joelho, meniscectomia e diferentes estágios da osteoartrite é determinar quando é seguro retornar às atividades físicas extenuantes. Desta forma, os médicos tendem a usar medidas de resultados orientadas ao paciente para determinar o sucesso da cirurgia e reabilitação do LCA.

Independentemente de quais testes sejam utilizados, eles devem ser padronizados, confiáveis, válidos, clinicamente relevantes, baratos e convenientes para o uso dos clínicos e aceitáveis para o paciente. Há uma maior conscientização sobre a importância dos instrumentos de avaliação orientados ao paciente, avaliando os sinais e sintomas experimentados pelo sujeito, ou as tarefas funcionais que os indivíduos são capazes de realizar durante suas Atividades de Vida Diárias (AVDs).

Várias medidas subjetivas de resultados foram sugeridas para aplicação em lesões no joelho. Uma delas é o Questionário KOOS sobre o joelho - Knee injury and Osteoarthritis Outcome Score (KOOS), utilizado em dezenas de países, validado para versão em português do Brasil, pois suas medidas de resultados funcionais têm sido sugeridas como critérios apropriados para estimar a eficácia das intervenções cirúrgicas e de reabilitação.

Este é um questionário de 42 itens, específicos para a articulação do joelho, que compreendem cinco divisões: Sintomas (cinco itens), Rigidez ( dois itens), Dor (nove itens), atividades diárias ( dezessete itens), atividades esportivas (cinco itens) e qualidade de vida (quatro itens). Cada item é pontuado de 0 (sem problemas) a 4 (problemas extremos). As pontuações por dimensão são apresentadas numa escala de orientação positiva de 0 (problemas extremos no joelho) a 100 (ausência de problemas no joelho).

Referências:

ALMEIDA, G.P.L. Translation and cross-cultural validation of the KOOS to Brazilian Portuguese. Knee injury and Osteoarthritis Outcome Score (KOOS), Brazilian Portuguese version, LK1.1, 2017.

SALAVATI, M., AKHBARI, B., MOHAMMADI, F., MAZAHERI, M., KHORRAMI, M. Knee injury and Osteoarthritis Outcome Score (KOOS); reliability and validity in competitive athletes after anterior cruciate ligament reconstruction. Osteoarthritis and Cartilage, 19:406-410, 2011.

Esse conteúdo é produto da Pós-Graduação em Ciências da Saúde Aplicada ao Esporte e à Atividade Física - Universidade Federal de São Paulo – Unifesp em parceria com a MedPhone-Tecnologia em Saúde.                             http://medicinadoesporte.sites.unifesp.br/

TEMA: "Comparação da força muscular entre quadríceps e isquiotibiais após exercícios com 30% da força máxima com e sem oclusão vascular periférica no pós-operatório de ligamento cruzado anterior: um ensaio controlado randomizado."

Pelo aluno: Rafael Francisco Vieira de Melo http://lattes.cnpq.br/3656657876413287

Orientado pelo: Prof. Dr. Moisés Cohen         http://lattes.cnpq.br/5558512244477786

Co-orientado pelo: Prof. Dr. William Komatsuhttp://lattes.cnpq.br/1898450330418640